top of page

REFORMA DA COZINHA DOS SONHOS

Na reforma de cozinha, uma solução criativa foi adotada para revitalizar o espaço: um forro de madeira foi instalado sobre o forro de gesso desgastado, fechando o espaço encontrado entre o gesso e a viga de limite da cozinha. Esse espaço anteriormente subutilizado se tornou uma oportunidade para reformular a iluminação do ambiente. Novos pontos de luz foram estrategicamente instalados no espaço entre o forro de gesso e a viga, proporcionando uma iluminação mais uniforme e eficiente. Além de resolver problemas estéticos e estruturais, essa abordagem trouxe um charme adicional ao espaço, combinando funcionalidade e design de forma integrada e harmoniosa.

Cozinha em tom cinza e madeirado

O tom madeirado e o cinza quente foram os protagonistas do novo design. Essa combinação não apenas revitalizou visualmente o espaço, mas também trouxe uma sensação acolhedora e moderna à cozinha, criando um ambiente convidativo e funcional.

Uma das mudanças mais significativas foi a substituição do piso escuro por um porcelanato cinza. Anteriormente, o ambiente tinha um aspecto mais sombrio, mas com a escolha do novo revestimento, a cozinha ganhou uma nova vida e luminosidade. O porcelanato cinza foi selecionado não apenas pela sua estética moderna e versátil, mas também pela sua praticidade e facilidade de manutenção. Combinado com o forro de madeira e o cinza quente do ambiente, o novo piso criou uma base neutra e elegante, permitindo que outros elementos do design se destacassem harmoniosamente.

Dois elementos essenciais foram adaptados de maneira estratégica: o armário do corredor e a despensa. Ambos foram integrados ao novo layout para maximizar o espaço de armazenamento e otimizar a funcionalidade.

O armário do corredor foi redesenhado para complementar o novo estilo do ambiente, oferecendo um local conveniente para guardar utensílios e mantimentos.

Por outro lado, a despensa foi renovada e reorganizada para melhorar o acesso aos alimentos e ingredientes essenciais, garantindo praticidade no dia a dia culinário. Essas adições não apenas melhoraram a eficiência da cozinha, mas também contribuíram para a estética geral do espaço, criando uma atmosfera organizada e acolhedora.

Por fim, foi decidido não incluir uma coifa, uma vez que os moradores não costumam fazer frituras. Essa escolha permitiu a instalação do fogão como ilha central, proporcionando um espaço mais aberto e fluído. Agora, a cozinha não só ganhou em funcionalidade, mas também em estilo, com o fogão como peça central facilitando o preparo das refeições e criando um ambiente mais integrado para a convivência familiar e social durante o cozimento dos alimentos.

bottom of page